Atualizada às 18h45

O mercado não se animou muito com a prévia do resultado operacional, cuja divulgação foi antecipada para hoje. As ações preferenciais (BIDI4) fecharam nesta segunda-feira (4) em baixa de 12,95% e as units (BIDI11), em queda de 13,42%.

Desde a semana passada, os papéis do banco estão desvalorizando e figuram entre as maiores quedas do Ibovespa em setembro.

Na sexta, as ações esboçaram uma reação depois do banco anunciar a antecipação da prévia dos resultados do terceiro trimestre.

Por que as ações estão caindo? Tomas Awad, sócio-fundador da 3R Investimentos, afirma que o comunicado do Inter não trouxe nenhuma grande novidade ao mercado.

“Não é que o mercado não gostou dos resultados, só não viu nada muito novo. Esse tipo de empresa acaba viciando o investidor em super notícias, sempre com novidades boas, e acredito que chega uma hora que os investidores esperam sempre algo positivo e, quando não vem, cansa”, afirma Awad.

No comunicado, o Inter informou que chegou a 14 milhões de clientes, número 16% maior do que no trimestre anterior. Outro ponto importante foi a divulgação da provisão de perdas por inadimplência, mantida em 2,5% carteira de crédito ampliada.

“O banco Inter é uma empresa de crescimento acelerado e o mercado sempre pagou por múltiplos mais altos, esperando um crescimento exorbitante ao longo do tempo. Com aumento do custo de oportunidade [com a alta dos juros], essas ações que têm o grosso dos fluxos de caixa concentrados no futuro acabam sofrendo mais. O mercado começa a ficar com medo do crescimento vir mais devagar e pede uma taxa maior de desconto”, afirma João Freitas, analista da Toro Investimentos.

Para Awad, a volatilidade que as ações estão apresentando nos últimos dias, significa que o mercado não tem uma leitura clara sobre a empresa. “Quando você tem volatilidade tão forte, é um indicador que o mercado não tem uma percepção clara da empresa”, afirma Awad.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).