O Ibovespa, principal índice da bolsa de valores brasileira, está operando em queda de mais de 1% nesta terça-feira (dia 8), influenciado pela baixa nas ações de tecnologia nos Estados Unidos e pela redução na cotação do barril de petróleo, que afeta os papéis da Petrobras. Às 13h30 o índice caía 1,1%, a 100.106 pontos.

Pode dar um pouco mais de contexto? No mercado americano, o índice Nasdaq chegou a despencar 3% mais cedo, puxado pelo mau desempenho da Tesla e de outras importantes empresas de tecnologia. Os papéis da montadora de carros elétricos registram queda de mais de 10% no início da tarde. As tensões entre Estados Unidos e China e preocupações sobre uma recuperação econômica instável também pesavam para o pessimismo dos investidores.

O S&P 500 também registra um dia ruim, com queda de quase 2%. Todos os onze principais setores do índice operavam no vermelho, com os segmentos de energia e tecnologia da informação liderando as perdas.

Por que as ações estão caindo? Desde a semana passada, as empresas de tecnologia têm sido as grandes responsáveis pelas quedas nas bolsas americanas. O Nasdaq, por exemplo, já perdeu 6% em relação a sua máxima recorde. As ações do Facebook, Amazon, Apple, Netflix e Alphabet — conhecidas como grupo “Faang” — recuavam entre 1,9% e 4,8%.

O movimento tem sido atribuído a uma realização de lucros disseminada, após um período de acentuada valorização. Os índices americanos chegaram a ganhar 70% ante a mínima registrada em março, pior momento da pandemia do coronavírus para os mercados.

“Estamos juntando um quadro técnico menos favorável, preços e valuations esticados, um mercado que subiu de maneira rápida e acentuada…e um cenário ainda desafiador para a recuperação”, avaliou o estrategista Dan Kawa, da TAG Investimentos.

Ele argumentou, contudo, que as esperanças para uma vacina estão presentes e a recuperação ainda é visível, mesmo que com menos vigor do que nos últimos meses.

(Com Reuters)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu WhatsApp? É só entrar no grupo pelo link: https://6minutos.uol.com.br/whatsapp.