O otimismo externo com a recuperação nos EUA e o alívio da aprovação da PEC Emergencial com limites de gastos, além de uma bateria de resultados de empresas, fizeram a bolsa encerrar o pregão desta sexta-feira (dia 5) em alta de 2,23%, a 115.202 pontos. Na semana, o Ibovespa avançou 4,6%.

Já o dólar fechou o dia em alta de 0,44%, a R$ 5,68. Na semana, a moeda americana se valorizou 1,42%.

O que aconteceu com a bolsa e o dólar? O Ibovespa avançou nesta sexta, confirmando a primeira alta semanal em um mês, ainda em meio a um certo alívio no cenário para o quadro fiscal do país. Dados melhores do que o esperado sobre o mercado de trabalho nos EUA também ajudaram o índice.

Na semana, a bolsa se valorizou mais de 4%, em parte apoiada no texto da PEC Emergencial aprovado pelo Senado que descartou os piores cenários do ponto de vista fiscal. O projeto dá alguma previsibilidade às contas públicas ao fixar um teto para as despesas com o auxílio emergencial.

O texto deve ser analisado na Câmara dos Deputados na próxima semana.

Para o economista-chefe da Infinity, Jason Vieira, a PEC tem seus defeitos, mas é positiva porque não chancela o rompimento do tetos dos gastos, nem desvincula despesas pesadas.

A agenda brasileira ainda mostrou nesta sexta que a indústria nacional começou 2021 com alta pelo nono mês seguido em janeiro, embora em desaceleração, sofrendo o impacto do agravamento da pandemia.

Nos Estados Unidos, foram criados no mês passado 379 mil vagas de trabalho fora do setor agrícola, bem acima dos 182 mil esperados por analistas.

“O resultado do relatório de emprego dos EUA veio acima do esperado e gera uma expectativa de recuperação da economia americana. No discurso de ontem, o presidente do Fed [banco central dos EUA] afirmou que mesmo que ocorra uma melhora do quadro de emprego, manterá sua política monetária expansionista”, aponta Rafael Ribeiro, analista da Clear Corretora.

Maiores altas:

Cogna (+ 9,73%)
Petro Rio (+ 7,38%)
Bradespar (+ 7,12%)

Maiores baixas:

B2W (- 4,39%)
Copel (- 2,77%)
BTG (- 2,01%)

(Com a Reuters)

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).