SÃO PAULO (Reuters) – A fabricante de motores elétricos Weg informou nesta terça-feira que deve reconhecer no balanço do segundo trimestre cerca de 510 milhões de reais em valores a serem recuperados pela companhia.

Segundo fato relevante, a medida vem após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) referente à exclusão do ICMS da base de cálculo do PIS e da Cofins pagos pela companhia.

“Com base em tais levantamentos a melhor estimativa dos valores a serem recuperados pela companhia, antes dos efeitos fiscais, é de 510,1 milhões, que serão reconhecidos nas demonstrações financeiras do segundo trimestre de 2021”, afirmou a Weg.

(Por Aluísio Alves)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).