Por Kirsti Knolle e Nick Carey e Christoph Steitz

BERLIM/LONDRES/FRANKFURT (Reuters) – A Volkswagen divulgou nesta sexta-feira que o lucro de 2020 caiu quase pela metade devido ao impacto da pandemia, mas uma recuperação nas vendas de carros premium na China e entregas mais fortes no quarto trimestre ajudaram a manter a maior montadora de veículos do mundo no azul.

O grupo disse que o lucro operacional para o ano inteiro, excluindo os custos relacionados ao escândalo de fraude em testes de emissões de poluentes por motores diesel, foi de 10 bilhões de euros, em comparação com 19,3 bilhões em 2019.

Os analistas esperavam um lucro operacional de 4,8 bilhões de euros para o ano inteiro de 2020, segundo dados da Refinitiv.O fluxo de caixa líquido da divisão automotiva foi de cerca de 6 bilhões de euros e as entregas de carros aumentaram no final do ano, disse o grupo alemão em comunicado.

“As entregas aos clientes do Grupo Volkswagen continuaram a se recuperar fortemente no quarto trimestre e até excederam as entregas do terceiro trimestre de 2020”, disse.

O desempenho do ano limitou as turbulências vistas em 2020 pela Volkswagen e a indústria automotiva. Uma queda nas vendas causada pela pandemia levou a um prejuízo no segundo trimestre, antes que a Volkswagen voltasse à lucratividade no trimestre seguinte devido à demanda crescente por veículos de luxo na China, o maior mercado de automóveis do mundo.

As ações da Volkswagen atingiram o nível mais alto em 11 meses após a divulgação de resultados nesta sexta-feira. Elas subiam 2,7% a 166,4 euros durante a manhã.

A principal acionista da companhia, Porsche Automobil Holding, que detém 31,4% da Volkswagen e 53,1% dos direitos de voto do grupo, disse que provavelmente teria um lucro significativamente positivo em 2020 após os impostos.

As vendas da Volkswagen aumentaram 1,7% em dezembro, em um momento em que os licenciamentos de carros novos na Europa caíram quase 4%, mostraram dados da Associação de Fabricantes de Automóveis Europeus.

A Volkswagen e suas rivais ainda enfrentam desafios causados pela pandemia, incluindo uma escassez global de chips necessários para a produção de veículos e paralisações em vários mercados para combater a doença, o que significa que 2021 será outro ano difícil.

A montadora também enfrenta forte concorrência no desenvolvimento de carros elétricos e autônomos. A fusão da Fiat Chrysler com a PSA, que criou a quarta maior montadora do mundo, a Stellantis, aumenta a pressão.A Volkswagen deverá divulgar dados detalhados de 2020 em 16 de março.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).