SÃO PAULO (Reuters) – A vendas de etanol pelas unidades produtoras do centro-sul alcançaram 1,29 bilhão de litros nos primeiros 15 dias de fevereiro, aumento de 5,32% sobre a mesma quinzena de 2020, com o mercado interno absorvendo 98% do volume, disse a União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica) nesta quarta-feira.

No mercado doméstico, o volume comercializado de etanol anidro (usado como mistura na gasolina) atingiu 425,13 milhões de litros, com alta de 8,18% sobre a mesma quinzena de 2020.

Seguindo a mesma tendência, as vendas de etanol hidratado aumentaram 3,85%, totalizando 839,72 milhões de litros, disse a Unica em relatório.

Na segunda quinzena de janeiro, as vendas pelas unidades produtoras já tinham aumentado, no primeiro crescimento quinzenal da safra 2020/21, uma temporada afetada pelos impactos da pandemia.

No acumulado desde o início da safra 2020/2021 até 16 de fevereiro, as vendas de etanol pelas empresas do centro-sul acumulam retração de 8,64%, somando 27,21 bilhões de litros.

Com o setor de cana ainda na entressafra, a produção de etanol do centro-sul somou apenas 134 milhões de litros na primeira quinzena de fevereiro, alta de 28,8% na comparação anual, segundo a Unica.

Apenas três usinas de cana operavam até o final da primeira quinzena, além de cinco unidades de fabricação de etanol de milho e duas “flex” (para ambas matérias-primas).

A Unica disse que a produção de etanol de milho do centro-sul segue como destaque na entressafra de cana, respondendo por 110,9 milhões de litros do total na primeira metade do mês.

(Por Roberto Samora)

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).