Sabe aquelas maquininhas de saque da rede Banco 24 Horas? Muita gente não sabe, mas muitas delas também permitem que o lojista deposite dinheiro nelas. Para o consumidor pode parecer pouca coisa, mas essa tecnologia resolve uma das dores de quem lida com dinheiro de papel em grande quantidade. A falta de troco, de longe, é o menor dos problemas. Quem recebe papel-moeda tem gastos com transporte de valores e com a segurança do seu armazenamento.

Como saber se o terminal de autoatendimento tem essa função depósito? É um caixa eletrônico como outro qualquer. Quem olha de fora não vê diferença na estrutura do equipamento. A diferença é que ela tem a função depósito.

Mas é só o comerciante que pode usar essa função depósito? Por enquanto sim. Mas Ariovaldo Ribeiro, superintendente de autoatendimento da TecBan, diz que essa função está sendo desenvolvida para os usuários dos terminais da Rede 24 Horas.

Por que é interessante para o comerciante ter em seu estabelecimento um terminal desses? Ribeiro afirma que o lojista tem um custo para desovar o dinheiro que entra em seu estabelecimento.

“Ele recebe esse dinheiro e precisa depositar na conta corrente. Se ele guardar no estabelecimento, fica vulnerável, vai gastar com segurança. Para levar até o banco, dependendo da quantia, vai gastar com transporte. Depositando na máquina, ele se livra desse risco”, afirma Ribeiro.

Mas e se bandidos entrarem na loja e explodirem o terminal? A Tecban, dona da rede Banco 24 Horas, diz que o risco é dela. “Fica tudo sob responsabilidade da Tecban. O crédito vai direto para a conta do lojista a partir do depósito”, diz Ribeiro.

Já são todos os terminais que têm essa função depósito? Não. São cerca de 400 máquinas com essa operação, número que deve dobrar até o final de 2020.

Mas qual comércio pode receber esse tipo de equipamento? Ribeiro afirma que são varejistas de médio porte com grande fluxo de pessoas e de recebimento de dinheiro. “Tem que ter um ponto de equilíbrio entre o valor que é depositado na máquina e o que é sacado nela.”

E o que a Tecban ganha com isso? A empresa precisa ir menos vezes ao comércio para abastecer a máquina com dinheiro. Com redução do abastecimento, a Tecban ganha em eficiência.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).