Por Alex Lawler

LONDRES (Reuters) – Os preços do petróleo recuavam nesta terça-feira, com o Brent abaixo de 50 dólares por barril, ampliando as perdas vistas na véspera, em meio a preocupações com a recuperação da demanda por combustíveis renovadas após uma nova variação do coronavírus ter sido descoberta no Reino Unido.

A detecção da nova variação levou diversos países a fecharem suas fronteiras com os ingleses, embora o primeiro-ministro britânico tenha dito que trabalha com a França pela reabertura de uma das mais importantes rotas comerciais da Europa.

O petróleo Brent recuava 0,57 dólar, ou 1,12%, a 50,34 dólares por barril, às 8:08 (horário de Brasília). O petróleo dos Estados Unidos caía 0,64 dólar, ou 1,33%, a 47,33 dólares por barril.

Ambos os contratos de referência haviam recuado quase 3% na segunda-feira, devolvendo em parte ganhos puxados pelo lançamento de vacinas contra Covid-19 que são vistas como chave para um retorno à vida normal.

“Na batalha entre a preocupação negativa imediata e o otimismo futuro, a primeira está agora reagindo”, disse Tamas Varga, da corretora PVM.

Alguns veem potencial para queda ainda maior dos preços.

“O ambiente permanece decididamente de aversão a risco”, disse Jeffrey Halley, da corretora OANDA. “Dada a escala dos dois meses de rali do petróleo, uma correção mais profunda não pode ser descartada.”

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).