Por Sabrina Valle

(Reuters) – A Petrobras deve concluir a venda de sua refinaria Landulpho Alves (Rlam), na Bahia, antes de março, apesar da saída da executiva responsável pela privatização, afirmaram à Reuters duas fontes próximas ao negócio na segunda-feira.

Anelise Lara, diretora de Refino e Gás da petroleira de controle estatal, está se aposentando, disseram as duas pessoas com conhecimento do assunto. Ela estava liderando os esforços da empresa para privatizar oito refinarias, que representam cerca de metade da capacidade de produção de combustível do país.

A Petrobras está em negociações exclusivas com a Mubadala Investment, de Abu Dhabi, para venda da Rlam. Na semana passada, a empresa disse que está esperando ofertas finais de todos os concorrentes da Rlam com base nos termos do contrato estabelecido com a Mubadala.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).