A avaliação do governo de Jair Bolsonaro se manteve estável entre setembro e outubro, segundo pesquisa XP/ Ipespe divulgada nesta quinta-feira (8). Entre os entrevistados, 46% consideram o presidente “ruim” ou “péssimo”, 2 pontos percentuais a menos do que registrado na semana anterior. A porcentagem dos que acham o governo “bom” ou “ótimo” também caiu dois pontos, de 28% para 26%.

A pesquisa — que também levantou as intenções de voto para as eleições municipais de São Paulo — ouviu 800 pessoas entre os dias 5 e 6 de outubro, e está registrada no TSE sob o número SP 05159/2020.

O resultado do levantamento da XP vai de encontro com o apresentado pela CNI/ Ibope em setembro, em que o percentual de brasileiros que consideraram o governo de Jair Bolsonaro “ruim” ou “péssimo” foi de 29%, frente aos 40% satisfeitos com o presidente.

O público também mostrou estabilidade na avaliação do governo João Doria. O governador de São Paulo foi considerado “ruim” ou “péssimo” por 41% dos entrevistados, frente aos 40% registrados em 28 e 29 de setembro. Já os que acham seu governo “bom” ou “ótimo” passou de 20% para 21%.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).