A pandemia trouxe o trabalho remoto, e muitas micro, pequenas e médias empresas vão mudar a forma como trabalham pós-covid. Um levantamento encomendado pela Microsoft e realizado pela Edelman aponta que 38% das PMEs pretendem retomar ao trabalho presencial com políticas flexíveis.

  • 30% vão optar pelo trabalho totalmente remoto;
  • 12% vão voltar aos padrões de trabalho remoto que tinham antes da pandemia;
  • 12% vão voltar para a rotina de trabalho presencial;
  • O restante ainda não sabe como será o futuro do negócio.

Como as PMEs se sentem para a retomada? Preparadas. Para 78%, a adoção de novas tecnologias é a mudança mais fácil. Os donos e tomadores de decisão também se sentem confiantes sobre os desafios de marketing digital (73%) e para o trabalho remoto (71%).

Mas o que falta? A vice-presidente de canais e vendas para PMEs da Microsoft Brasil, Pryscila Laham, afirma que existe uma preocupação em melhorar o acesso destas empresas a sistemas de big data e segurança digital.

Segundo o levantamento, apenas 3% das PMEs têm a intenção de priorizar o investimento em Big Data, muitas por desconhecimento – 37% afirmam que não conhecem este tipo de tecnologia.

“A tecnologia e a inteligência artificial têm um enorme potencial para se tornar um dos principais impulsionadores da recuperação e desenvolvimento social e econômico do Brasil. É nítido que as empresas que alcançaram melhor desempenho têm em comum o uso da tecnologia para alavancar seus negócios e superar os desafios encontrados e, esse cenário poderia ser ainda mais positivo se as PMEs ampliassem a adoção de inteligência artificial”, afirma Laham.

Quais as necessidades para avançar na transformação digital? Capacidade de investir em tecnologia (39%), recursos humanos com competências digitais (30%), suporte de grandes empresas de tecnologia (26%) e cultura corporativa focada em inovação (25%).

Foco em profissionais de tecnologia

Seis em cada dez empresas médias (que tem de 150 a 200 colaboradores) apostaram na contratação de novos talentos especializados em tecnologia e competências digitais.

No curto prazo, as PMEs valorizam as seguintes características na hora da contratação:

  1. Inovação
  2. Habilidade digital
  3. Habilidade para trabalho remoto
  4. Marketing digital
  5. Tomada de decisão baseada em dados

Como a pesquisa foi feita? Foram entrevistados donos ou tomadores de decisão de 505 de PMEs (168 microempresas, 170 pequenas e 167 médias).

Foram entrevistados homens e mulheres que têm entre 25 e 55 anos. Os dados foram coletados entre os dias 28 de setembro e 6 de outubro do ano passado.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).