WASHINGTON (Reuters) – O número de norte-americanos que entraram com novos pedidos de auxílio-desemprego subiu na semana passada, provavelmente impulsionado pelas tempestades brutais de inverno no densamente povoado Sul do país em meados de fevereiro, embora as perspectivas do mercado de trabalho estejam melhorando em meio à queda dos novos casos de Covid-19.

Os pedidos iniciais de auxílio-desemprego totalizaram 745 mil em dado ajustado sazonalmente na semana encerrada em 27 de fevereiro, em comparação com 736 mil na semana anterior, disse o Departamento do Trabalho dos EUA nesta quinta-feira.

Economistas consultados pela Reuters previam 750 mil solicitações na última semana.

(Por Lucia Mutikani)

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).