Melhorar o conforto do lar se tornou uma das grandes preocupações do brasileiro durante a pandemia. Por isso, vários setores registraram um aumento gritante de vendas – caso de móveis, material de construção e eletrodomésticos.

Mas não são apenas os produtos novos que estão registrando crescimento de vendas. O mercado de usados também está aquecido. Levantamento exclusivo da OLX para o 6 Minutos mostra que a venda de colchões de casal em agosto subiu 209% em relação ao mesmo mês de 2019. Na sequência, aparecem os colchonetes (138%) e os colchões infantis (76%).

Na comparação com o período pré-pandemia (meses de janeiro e fevereiro), o aumento na categoria colchões de casal foi de 146%.

“Com o aquecimento das vendas, o momento é ideal para quem quer desapegar de um item que esteja parado em casa e aproveitar para ganhar uma renda extra”, diz Marcos Leite, COO da OLX Brasil.

Outros itens para a casa estão em alta? Sim. As vendas na categoria ‘para sua casa’, que inclui os colchões, subiram 48% no segundo trimestre de 2020 em relação ao primeiro trimestre do ano. “Foi o terceiro segmento com maior crescimento na plataforma”, diz Marcos Leite.

O que mais está influenciando? O auxílio emergencial desempenhou um papel importante no consumo durante a pandemia, impulsionando a venda de produtos novos e usados.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).