(Reuters) – A Natura&Co estima receita líquida consolidada entre 47 bilhões e 49 bilhões de reais no ano de 2023, quando a margem Ebitda deve ficar entre 14% a 16%, de acordo com projeções divulgadas pela fabricante de cosméticos à Comissão de Valores Mobiliários nesta sexta-feira.

A companhia, que realiza nesta sexta-feira evento com analistas e investidores, também calcula que a dívida líquida deve ficar igual ou menor que 1 vez o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) dos 12 meses anteriores a 31 de dezembro de 2023.

O grupo revisou projeção de sinergias com a combinação de negócios com a Avon e agora espera capturar gradualmente, no período de 2020 a 2024, sinergias operacionais entre 350 milhões e 450 milhões de dólares em bases recorrentes anuais (considerando taxa de câmbio de 1 dólar para 5 reais).

A Natura&Co disse que o valor estimado não compreende os custos não recorrentes para a implementação das iniciativas atreladas a essas sinergias, calculados em aproximadamente 230 milhões de dólares para o período de 2020 a 2024.

(Por Paula Arend Laier)

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).