O mercado elevou pela 13ª semana consecutiva a expectativa de inflação para 2021, segundo a edição desta segunda-feira do Boletim Focus, pesquisa semanal do Banco Central com os principais agentes financeiros do país.

Segundo o Focus, a previsão de inflação pelo IPCA passou de 5,97% para 6,07%. Esse percentual está acima da meta do Banco Central, de 3,75%, com tolerância de 1,5 ponto percentual para mais ou para menos.

A notícia positiva é que a previsão para o IGP-M, outro índice importante de inflação, caiu pela primeira vez em mais de dez semanas, recuando de 19,12% para 18,33%.

 PIB e dólar

O Focus também atualizou suas projeções para o dólar e para o PIB. Segundo a pesquisa, a moeda norte-americana deve fechar o ano em R$ 5,04. Já a economia brasileira vai crescer 5,18% — alta em relação aos 5,05% previstos na semana passada.

Não houve alteração na projeção da Selic. De acordo com o Focus, os juros devem fechar 2021 em 6,5%. Já para o ano que vem, a projeção é de Selic a 6,75% — 0,25 ponto percentual a mais do que o previsto na semana passada.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).