Quem trabalhou de casa ao longo do ano passado inevitavelmente enfrentou dias em que a conexão estava instável. Como reflexo dessa realidade, a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) recebeu 764 mil queixas sobre banda larga, 31,6% a mais do que em 2019.

Qual a principal reclamação? Qualidade e funcionamento. A Anatel afirma que estas queixas puxaram o resultado, principalmente nos meses de março e abril. A partir de maio as reclamações sobre esses assuntos caíram, mas terminaram o ano em níveis maiores do que os atingidos em 2019.

As principais empresas reclamadas foram Claro e Vivo. Muitas prestadoras locais e regionais de pequeno porte aparecem no ranking.

Os brasileiros também reclamaram mais sobre celular pré-pago (16,2%) em queixas que, segundo a Anatel, estão relacionadas a bloqueio, suspensão e cancelamento.

Sobre o que os brasileiros reclamaram menos? Celular pós-pago (-7,6%), telefonia fixa (-16%) e TV por assinatura (-23%).

Qual o número total de reclamações em 2020? Foram recebidas 2,96 milhões de queixas sobre serviços de telecomunicação, – 0,5% a menos do que em 2019.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).