(Reuters) – A Coca-Cola Co superou estimativas para o lucro e a receita trimestrais, em resultado apoiado pela forte demanda por seus refrigerantes com a vacinação contra a Covid, enquanto o alívio de restrições na Ásia encorajou consumidores a retornar para rotinas pré-pandemia.

A fabricante de bebidas disse que os volumes, um indicador-chave da demanda, voltaram aos níveis de março de 2019.

“Estamos encorajados pelas melhorias em nossos negócios, especialmente em mercados onde a disponibilidade de vacinas está aumentando e as economias estão se abrindo”, disse o presidente-executivo, James Quincey, em um comunicado.

A receita líquida subiu cerca de 5%, para 9,02 bilhões de dólares – o primeiro aumento após quatro trimestres de quedas – acima da estimativa média dos analistas de 8,63 bilhões de dólares, segundo dados do IBES da Refinitiv.

As vendas orgânicas cresceram 6%.

Excluindo itens únicos, a empresa registrou lucro de 0,55 dólar por ação, em comparação com estimativas de 0,50 dólar.

A empresa e a Coca-Cola Beverages Africa (CCBA) também anunciaram planos de listar a CCBA como uma empresa de capital aberto.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).