SÃO PAULO (Reuters) – A suspensão das tarifas para importação de soja, milho e subprodutos da oleaginosa, anunciada pelo governo federal na véspera, não deve afetar os preços internos, visto que o setor segue competitivo no exterior frente a concorrentes, avaliou nesta terça-feira a associação de produtores Aprosoja Brasil.

Segundo o presidente da entidade, Bartolomeu Braz Pereira, a soja brasileira conta com vantagens como o teor de proteína mais elevado e ainda deve dispor de vasta oferta em função da colheita recorde da safra 2020/21, que está sendo concluída.

“Não vemos impacto para baixa de preço, porque não tem outro mercado competitivo nesse momento”, afirmou Pereira a jornalistas durante evento online que antecedeu a posse do próximo presidente da associação, Antonio Galvan.

(Por Nayara Figueiredo)

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).