Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) – O Ibovespa avançava nesta quarta-feira, tendo o noticiário corporativo sob os holofotes, com Gerdau entre as maiores altas após forte resultado no primeiro trimestre, enquanto Bradesco recuava mesmo após alta de mais de 70% no lucro recorrente.

Às 11:09, o Ibovespa subia 1,04 %, a 118.941,44 pontos. O volume financeiro somava 7,3 bilhões de reais.

Wall Street corroborava o desempenho positivo do pregão brasileiro, com modesta recuperação de ações de tecnologia, além de dados mostrando crescimento sólido nos empregos no setor privado dos Estados Unidos em abril.

No Brasil, a equipe da Ágora Investimentos acrescentou que investidores seguem de olho no cenário político, notadamente as discussões iniciais sobre a reforma tributária, com a quarta-feira também reservando decisão de política monetária.

Após o fechamento do mercado, o Banco Central deve anunciar outro aumento de 0,75 ponto percentual na taxa Selic, para 3,50% ao ano, de acordo com previsão unânime de uma pesquisa da Reuters com economistas.

“Para a decisão, o espaço para surpresas é limitado, mas o mercado aguarda o comunicado que acompanha a decisão, em busca de pistas em relação à condução da política monetária ao longo do ano”, afirmou a Ágora Investimentos em nota a clientes.

DESTAQUES

– GERDAU PN avançava 4,99%, após o lucro da siderúrgica disparar no primeiro trimestre para 2,5 bilhões de reais, beneficiado pela recuperação econômica da pandemia, alta no preço do aço e câmbio. No setor, USIMINAS PNA e CSN ON também figuravam entre os destaques de alta do Ibovespa. VALE ON subia 1,81%.

– ASSAÍ ON valorizava-se 3,39%, também tendo de pano de fundo balanço do primeiro trimestre, quando mais do que dobrou o lucro líquido, com crescimento de receitas e margem bruta. Em teleconferência, executivos da rede de atacarejo afirmaram esperar resultado mais forte neste segundo trimestre do que nos primeiros meses do ano.

– CIELO ON tinha alta de 2,94%, em meio a expectativas de que o WhatsApp lance pagamentos com lojistas neste ano, após o aplicativo do Facebook relançar na véspera seus serviços de transferência de dinheiro entre indivíduos.

– BRADESCO PN recuava 1,43%, mesmo após divulgar na terça-feira alta de 73,6% no lucro recorrente do primeiro trimestre, a 6,5 bilhões de reais, com menores provisões e inadimplência. ITAÚ UNIBANCO PN subia 0,26%, recuperando-se de perdas fortes na véspera, quando reagiu mal a seu balanço. BANCO DO BRASIL ON caía 1,87%.

– TAESA UNIT caía 3%, tendo no radar resultado trimestral após o fechamento do mercado. O índice do setor elétrico tinha o pior desempenho entre os índices setoriais, em baixa de 0,54%.

– PETROBRAS PN avançava 3,54%, endossando a alta do Ibovespa, beneficiada pelo aumento dos preços do petróleo no mercado externo. O conselho de administração da companhia também negou pedido de convocação de assembleia geral extraordinária para uma “reconstituição” do colegiado, tendo em vista renúncia do conselheiro eleito Marcelo Gasparino.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).