A economia brasileira caiu ligeiramente menos no segundo trimestre deste ano, ápice das medidas de controle ao coronavírus, do que o calculado antes, mostraram dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira.

Entre abril e junho, o Produto Interno Bruto (PIB) despencou 9,6%, ante contração informada anteriormente de 9,7%, mas ainda um recorde de perda trimestral.

Também foi revisado o resultado do primeiro trimestre deste ano, para uma queda de 1,5%, de recuo de 2,5% calculado anteriormente.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).