SÃO PAULO (Reuters) – O Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), sinalizador do Produto Interno Bruto (PIB), recuou 1,59% em março na comparação com o mês anterior, de acordo com dado dessazonalizado divulgado pelo BC nesta quinta-feira.

Com o resultado mais fraco do que a expectativa em pesquisa da Reuters de contração de 3,75%, o índice encerrou o primeiro trimestre deste ano com alta de 2,30% sobre os últimos três meses de 2020.

Na comparação com março de 2020, o IBC-Br registrou avanço de 6,26% e, no acumulado em 12 meses, teve perda de 3,37%, segundo números observados.

(Por Camila Moreira)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).