Atualizada às 9h45

Os investidores devem começar a terça-feira na expectativa de votação da PEC dos precatórios, que altera o cálculo do teto de gastos. A mudança de regra de cálculo do teto fiscal, incluída às pressas nessa PEC, não foi bem vista pelo mercado na semana passada.

O texto está na pauta de votação do plenário da Câmara. Mas articulações de última hora sempre podem mexer com esse cronograma.

Falando em teto de gastos, o IPCA-15, prévia da inflação oficial, foi divulgado hoje, com os dados de outubro. Desde que o governo decidiu mexer na regra, as projeções para alta da inflação e dos juros subiram.

A divulgação dos dados do Caged vai confirmar se o avanço da vacinação e reabertura da economia estão sendo convertidos em novos postos de trabalho. O ministro da Economia, Paulo Guedes, adiantou nesta segunda-feira que o resultado do Caged de setembro deve trazer um novo resultado recorde com a geração líquida de mais de 300 mil empregos.

Veja  que deve mexer com o mercado nesta terça-feira:

PEC dos Precatórios

Há a expectativa de que a PEC dos Precatórios seja levada hoje para votação do plenário da Câmara. O texto aprovado na semana passada por uma comissão especial muda o cálculo do teto de gastos públicos. O objetivo da alteração é criar uma folga orçamentária até 2022 para pagar o Auxílio Brasil de R$ 400 mensais a 17 milhões de famílias.

Empregos formais

O Ministério da Economia divulga os dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) de setembro a partir das 10h. Apesar da fraca recuperação econômica, o saldo de criação de empregos formais estava positivo até agosto, quando 372.625 postos foram abertos.

IPCA-15

O IPCA-15, prévia da inflação oficial do país, acelerou de 1,14% em setembro para 1,20% em outubro, segundo o IBGE. A alta já era esperada, já que o dólar não vem dando trégua. O preço dos combustíveis (2,03%) e da energia elétrica (3,91%) foram os principais fatores que puxaram o aumento.

Segundo o IBGE, essa foi a maior variação para um mês de outubro desde 1995 (1,34%) e a maior variação mensal desde fevereiro de 2016 (1,42%). O IPCA-15 acumula alta de 8,30% no ano e de 10,34% em 12 meses.

Vale-gás

Outro assunto que pode atrair a atenção dos investidores é a votação pelo plenário da Câmara do projeto que cria um subsídio para as famílias de baixa renda comprarem botijão de gás. O benefício será equivalente a, no mínimo, 50% da média do preço nacional de referência.

Temporada de balanços

Terça tem os resultados do terceiro trimestre do Banco Inter, Cesp, Klabin e Marfrig. A Klabin anunciou, nesta terça-feira, lucro líquido de 1,215 bilhão de reais para o terceiro trimestre, revertendo prejuízo de 191 milhões de reais um ano antes. O desempenho foi marcado por queda no endividamento e crescimento de receitas.

Petrobras

As ações da Petrobras lideram as altas da Bovespa ontem depois do líder do governo no Senado, Fernando Bezerra, afirmar que o governo estuda enviar um projeto de lei ao Congresso para privatizar a estatal. Desdobramentos do caso podem manter em alta os ativos da companhia.

 

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).