Por Paula Arend Laier

(Reuters) – A Embraer encerrou o ano passado com um carteira de pedidos firmes a entregar de 14,4 bilhões de dólares, equivalentes a 281 aeronaves, de acordo com dados divulgados pela fabricante de aviões nesta sexta-feira.

Nos últimos quatro meses de 2020, a companhia entregou 71 jatos, sendo 28 comerciais e 43 executivos, o que representa um declínio de 10 aeronaves em relação ao último trimestre de 2019,

Em todo o ano de 2020, a companhia entregou 130 jatos, sendo 44 comerciais e 86 executivos, uma redução de quase 35% em relação a 2019, quando 198 jatos foram entregues.

“Embora tenham acelerado durante o quarto trimestre de 2020 em relação aos três trimestres anteriores, as entregas foram fortemente impactadas, principalmente na aviação comercial, pela pandemia da Covid-19”, afirmou a Embraer.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).