A pandemia de coronavírus mudou a percepção do que é importante na hora de procurar uma moradia, seja para comprar ou para alugar. Como as pessoas estão passando mais tempo em casa, morar em um local agradável, com uma boa vista e bem servido de comércio e serviços passam a ser essenciais.

A pesquisa “A Influência do Coronavírus no Mercado Imobiliário”, realizada pela DataZAP, mostra que morar em uma casa ao invés de um apartamento passou a ser considerado como importante ou muito importante para 44% dos consumidores que desejam comprar um imóvel e para 32% dos que desejam alugar.

O que essas pessoas procuram?

  • Vista/visão desimpedida (65%)
  • Varanda (64%)
  • Vizinhança com mais comércios e serviços (63%)

Quais as diferenças entre quem deseja comprar e quem vai alugar? Deborah Seabra, economista do Grupo ZAP, diz que quem vai comprar dá mais importância a imóveis maiores, com mais dormitórios, mais banheiros, vista livre, varanda e em um condomínio com área de lazer.

“Já a proximidade ao trabalho e a vizinhança com mais comércios é mais mencionada pelos que desejam alugar um imóvel”, explica a economista.

 

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).