RIO DE JANEIRO (Reuters) – O ECB Group, maior produtor de biodiesel do Brasil, assinou um contrato com a BP para vender mais de um bilhão de litros de biocombustíveis avançados, que serão produzidos a partir de 2024 em uma biorrefinaria a ser construída no Paraguai, informou a companhia em nota nesta quinta-feira.

Com o acordo, o grupo informou que se posicionará como o maior produtor de biocombustíveis avançados do hemisfério sul e o principal fornecedor de biocombustíveis avançados para a BP neste continente.

O ECB Group é atualmente o maior produtor de biodiesel do Brasil com capacidade anual de 828 milhões de litros.

“Este contrato representa um passo importante para a redução das emissões de gases de efeito estufa, que começa com a produção no Paraguai e deve se estender internacionalmente”, disse o grupo em nota.

A usina de biocombustível avançado a ser construída no Paraguai, chamada de Omega Green, terá capacidade para produzir 20 mil barris por dia.

Dentre os produtos da usina estão Óleo Vegetal Hidrotratado HVO, também conhecido como Diesel Renovável, Querosene Parafínico Sintético (SPK), também conhecido como Sustainable Aviation Fuel ou Biojet, e Green Naphtha, usado na indústria química para fazer plástico verde, entre outros produtos.

(Por Marta Nogueira)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).