Por Devik Jain e Medha Singh

(Reuters) – Os índices Dow Jones e Nasdaq bateram máximas recordes nesta quinta-feira, em antecipação à proposta de ajuda do presidente eleito Joe Biden para impulsionar uma economia em dificuldades em meio à pandemia, depois que dados destacaram o enfraquecimento das condições do mercado de trabalho.

O relatório semanal do Departamento do Trabalho sobre desemprego mostrou que o número de norte-americanos que entram com pedidos de seguro-desemprego aumentou mais do que o esperado na semana passada, evidenciando o impacto do ressurgimento das infecções por Covid-19.

No entanto, o S&P 500 subiu pela sétima vez em nove pregões neste ano, conforme investidores contam que Biden anunciará um plano de estímulo na noite desta quinta-feira que pode ultrapassar 1,5 trilhão de dólares.

“Há um tempo os investidores têm olhado à frente para como será a situação quando a vacina for totalmente distribuída e os piores momentos da pandemia, superados”, disse Rick Meckler, sócio da Cherry Lane Investments, escritório de investimentos familiares em New Vernon, Nova Jersey.

“Há um pouco de medo de ‘vender com base no noticiário’ de que, quando (o estímulo) for realmente introduzido, não seja tão grande quanto algumas pessoas gostam ou que seja possível que o mercado comece a olhar para como vai ser financiado.”

As ações da Delta Air Lines subiam cerca de 5%, com o presidente executivo, Ed Bastian, prevendo que 2021 será “o ano da recuperação”, após a pandemia de coronavírus ditar o primeiro prejuízo anual da companhia em 11 anos.

O índice S&P 1500 de companhias aéreas tinha alta de 3,4%.

Cinco dos 11 principais setores da S&P subiam nesta sessão, com energia, finanças e indústria liderando as altas.

O índice de small-caps Russell 2000, com foco doméstico, também bateu um recorde.

Analistas disseram que as incertezas políticas de curto prazo em Washington, um aumento implacável nos casos de coronavírus e uma distribuição de vacinas mais lenta do que o esperado podem impedir os ganhos das ações no curto prazo.

Enquanto isso, o presidente Donald Trump se tornou o primeiro presidente na história dos Estados Unidos a sofrer impeachment duas vezes quando a Câmara votou por 232-197 na quarta-feira para acusá-lo de incitar motins no Capitólio. O processo de impeachment ameaça gerar preocupação durante o início do mandato de Biden.

Às 13:23 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,4%, a 31.184 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 0,235968%, a 3.819 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançava 0,5%, a 13.195 pontos.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).