As ações de bancos estão entre as recomendações de especialistas para os investidores interessados em construir uma estratégia de renda mensal com dividendos. A fama de bom pagador desse setor se confirmou pelo mais recente levantamento feito pela Economática sobre os bancos.

A plataforma de informações financeiras apurou que o volume de proventos (dividendos e juros sobre capital próprio) distribuído pelos quatro maiores bancos do país no 1º trimestre de 2021 foi de R$ 18,1 bilhões. É o quarto maior da série iniciada em 2009.

Das quatro instituições, o Santander foi a mais generosa. O volume de dividendos e JCP pago no 1º trimestre de 2021 (R$ 9,848 bilhões) foi superior à soma do que foi distribuído pelos outros três bancos (R$ 8,35 bilhões).

Lucros mostram recuperação sólida

O levantamento da Economática mostrou também que os quatro “bancões” deram a volta por cima depois de um ano desafiador, em que a pandemia os obrigou a reforçar reservas para enfrentar um potencial aumento da inadimplência, comprometendo os resultados.

Os resultados do primeiro trimestre de 2021 apontam um lucro consolidado de R$ 18,6 bilhões – valor 35,2% superior ao auferido no mesmo período de 2020. O Bradesco registrou o maior lucro, seguido por Itaú Unibanco, Banco do Brasil e Santander.

Esse foi o segundo maior lucro consolidado trimestral desde o início da série em 2009. E se aproximou do maior valor já registrado em um primeiro trimestre: R$ 19,9 bilhões, nos três primeiros meses de 2019, último ano cheio de normalidade antes da pandemia.

Qual é o maior dos “bancões”?

Em relação aos ativos totais, o Itaú lidera, com R$ 2,125 trilhões, seguido por BB (R$ 1,829 trilhão) e Bradesco (R$ 1,613 trilhão). Somando os ativos dos três e mais os do Santander (R$ 978 bilhões), chega-se a um total de R$ 6,545 trilhões, também recorde na série.

Já quando o critério é valor de mercado, o Itaú ainda sai na frente (R$ 251,564 bilhões), mas depois vêm Bradesco (R$ 217,478 bilhões), Santander (R$ 144,390 bilhões) e BB (R$ 83,349 bilhões).

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).