SÃO PAULO (Reuters) – A Diagnósticos da América (DASA) comunicou nesta terça-feira que engajou bancos para coordenar eventual oferta pública de ações com esforços restritos, com potencial listagem da companhia no segmento Novo Mercado da B3.

A empresa de medicina diagnóstica disse que engajou como coordenadores Bradesco BBI, BTG Pactual, Bank of America Merrill Lynch, Credit Suisse, Morgan Stanley, Safra, Santander Brasil e Itaú BBA.

“Destaca-se que não há qualquer decisão tomada acerca da efetiva realização da potencial oferta e da potencial listagem”, ponderou a Dasa.

(Reportagem de Paula Arend Laier)

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).