Por Hallie Gu e Michael Hogan e Gus Trompiz

PARIS (Reuters) – Os compradores chineses concordaram em abrandar uma especificação de qualidade para os próximos embarques de trigo francês em resposta aos danos causados ​​pelas chuvas na colheita da França, disseram traders familiarizados com o assunto.

A França, maior produtora de grãos da União Europeia, tornou-se um importante fornecedor de trigo para a China nos últimos dois anos devido às oscilações nas relações comerciais entre Pequim e outros fornecedores, bem como pelo esforço chinês para reabastecer os estoques de grãos.

Os testes de peso são uma medida comum da qualidade do trigo para moagem, determinando quanta farinha pode ser extraída de um determinado volume de trigo.

Os importadores chineses agora aceitarão marcação de 75 kg por hectolitro, em comparação com o mínimo de 77 kg inicialmente exigido para esses negócios de importação, disseram traders da Europa e da Ásia.

Outros importadores de trigo, Argélia e Arábia Saudita, também diminuíram as exigências de peso em resposta aos fracos resultados na França e em outros países europeus após fortes chuvas.

Os traders haviam relatado anteriormente compras chinesas de cerca de 1 milhão de toneladas de trigo francês da safra de 2021, colocando a França no caminho para uma terceira temporada de fortes exportações para a China.

No entanto, a questão das chuvas na colheita francesa criou incerteza sobre a conclusão dos acordos de exportação e alimentou oscilações nos preços europeus no mês passado.

Os termos de qualidade flexibilizados permitiram que os exportadores começassem a carregar trigo da nova safra francesa para a China, com dois navios de cerca de 60.000 toneladas cada deixando a França desde o final de agosto, e carregamentos adicionais são esperados para este mês.

(Reportagem de Hallie Gu em Pequim, Michael Hogan em Hamburgo e Gus Trompiz em Paris)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).