O Brasil abriu 313,5 mil vagas formais de trabalho em setembro, segundo dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) divulgado nesta quinta-feira (dia 29) pelo Ministério da Economia.

O Caged apontou saldo positivo nos cinco setores pesquisados.

A indústria criou 110,8 mil postos em setembro, seguida por serviços (+80,4 mil), comércio (+69,2 mil), construção  (+45,2 mil) e agropecuária (+7,7 mil).

Desde julho, o Caged já havia interrompido quatro meses de dados negativos com a ajuda de bons números na indústria e na construção.

No acumulado dos nove primeiros meses do ano, o saldo ainda é negativo: foram fechadas 558,5 mil vagas, num reflexo dos impactos sobre a atividade com a pandemia de Covid-19. No mesmo período de 2019, 761,7 mil vagas haviam sido abertas.

 

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).