O Brasil registrou neste sábado 2.301 novos óbitos em decorrência da Covid-19, o que eleva o total de vítimas fatais da doença no país a 500.800, informou o Ministério da Saúde.

A aceleração da pandemia no Brasil, que mantém o país como o segundo no mundo com maior número de vítimas fatais da Covid atrás apenas dos Estados Unidos, ocorre à medida em que se inicia o inverno, época de elevação da incidência de infecções respiratórias, e em meio a temores sobre novas cepas.

Ao mesmo tempo, os primeiros efeitos da vacinação sobre a trajetória geral da doença não são esperados para antes de setembro e, mais provavelmente, apenas no último trimestre do ano.

Também foram contabilizados neste sábado, de acordo com a pasta, 82.288 novos casos de coronavírus, com o total de infecções no país avançando para 17.883.750, a terceira maior contagem no mundo, atrás apenas dos EUA e da Índia.

Estado brasileiro mais afetado pela Covid-19 em números absolutos, São Paulo atingiu neste sábado as marcas de 3.573.210 casos e 121.960 mortes.

Minas Gerais é o segundo Estado com maior número de infecções pelo coronavírus registradas, com 1.733.181 casos, mas o Rio de Janeiro é o segundo com mais óbitos contabilizados, com 54.142 mortes.

O governo federal reporta ainda 16.183.849 pessoas recuperadas da Covid-19 e 1.199.101 pacientes em acompanhamento.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).