O Brasil avançou pouco e perdeu uma posição no IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) entre 2017 e 2018. O IDH nacional ficou em 0,761 e colocou o Brasil na 79.ª posição entre os 189 países e territórios mapeados pela ONU (Organização das Nações Unidas).

Em um ano, a expectativa de vida ao nascer e a renda per capita aumentaram. Já os indicadores de educação ficaram estagnados e “travaram” o crescimento do índice brasileiro.

Explica melhor? De 2016 para cá, o tempo médio de escolaridade se estabilizou em 15,4 anos — o que, na prática, significa ensino superior incompleto.

O que o IDH avalia? O quanto um país está desenvolvido do ponto de vista social. O índice considera as áreas da saúde, educação e renda. Quanto mais próximo de 1, melhor o desenvolvimento.

Como o IDH brasileiro evoluiu ao longo do tempo? O crescimento mais acentuado foi entre 1990 a 2013, e menos expressivo a partir de 2014. Apesar disso, o diretor do relatório da ONU, Pedro Conceição, prefere analisar a trajetória ao longo das últimas décadas — em 1990, por exemplo, o índice brasileiro era de 0,613. “A história do Brasil é de crescimento sustentado do IDH. Olhando para o desempenho do país, quando a economia voltar a soprar, a expectativa é de que o IDH comece a aumentar a uma taxa mais forte do que tem sido a dos últimos dois anos”, disse.

IDH no mundo: A Noruega é o país com melhor IDH (0,954), seguida por Suíça (0,946), Irlanda (0,942) e Alemanha (0,939). O Brasil fica atrás de Albânia (69º lugar), Cuba (72º), Bósnia (75º lugar) e México (76º). Na América Latina, o melhor desempenho é o do Chile (0,847).

Veja a lista do 20 primeiros no IDH:

1. Noruega
2. Suíça
3. Irlanda
4. Alemanha
5. Hong Kong
6. Austrália
7. Islândia
8. Suécia
9. Singapura
10. Holanda
11. Dinamarca
12. Finlândia
13. Canadá
14. Nova Zelândia
15. Reino Unido
16. Estados Unidos
17. Bélgica
18. Liechtenstein
19. Japão
20. Áustria

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).