MOSCOU (Reuters) – O banco central da Rússia não descarta a possibilidade de aumentar sua taxa básica de juros em 2021, disse a presidente da instituição, Elvira Nabiullina, segundo a agência de notícias RIA nesta sexta-feira.

Questionada sobre se a taxa, que o banco central manteve na semana passada em 4,25%, poderia ser elevada este ano, Nabiullina disse: “Não descartamos isso, mas muito depende da situação. É impossível predeterminar. ”

Nabiullina acrescentou que seu cenário básico não leva em consideração os riscos desinflacionários que poderiam levar a um corte de juros em 2021.

Esta semana, o banco central disse que pode demorar mais do que o esperado para que a inflação retorne à meta anteriormente estabelecida de 4%, já que a inflação deve atingir um pico em torno de 5,5% neste ou no próximo mês.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).