Por Leika Kihara

TÓQUIO (Reuters) – O banco central do Japão deve reduzir sua previsão de inflação para este ano fiscal nas projeções trimestrais que devem sair na próxima semana, disseram três fontes familiarizadas com a opinião do banco, reforçando as expectativas do mercado de que o país manterá seu forte estímulo num futuro próximo.

A redução refletirá o impacto dos cortes nas tarifas de telefonia celular que, segundo analistas, podem reduzir o núcleo da inflação ao consumidor em até 0,6 ponto percentual.

O Banco do Japão atualmente espera que o núcleo dos preços ao consumidor suba 0,5% no ano fiscal que começou em abril.

Em novas projeções trimestrais na revisão dos juros da próxima semana, o banco central também deve projetar que a inflação deverá ficar em torno de 1% no ano fiscal de 2023, disseram as fontes em condição de anonimato, já que não foram autorizadas a falar publicamente.

(Por Leika Kihara)

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).