Por Lisandra Paraguassu

BRASÍLIA (Reuters) – O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmou nesta terça-feira, que a Casa não terá dificuldades de aprovar a transformação do Auxílio Brasil de R$ 400 em permanente, em vez da proposta atual, que encerra o benefício em dezembro de 2022.

Em entrevista à Globo News, Lira disse ainda que se as mudanças a serem feitas da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) dos Precatórios no Senado forem apenas para acrescentar alterações, o Congresso poderia promulgá-la, depois de aprovada pelo Senado, e a Câmara apreciar as mudanças depois.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).