A Febraban (Federação Brasileira de Bancos) informou que foram identificados 119 assaltos ou tentativas de assaltos a agências bancárias no ano passado no Brasil. Há 20 anos, segundo a entidade, havia um número muito maior de casos: foram 1.903 ocorrências em 2000.

O número de 2019, de acordo com pesquisa feita pela federação com 17 associados, representa uma queda de 30% na comparação com 2018 e de 45% em relação a 2017.

Os bancos também registraram redução de 45% no número de ataques a caixas eletrônicos no país no ano passado, na comparação com 2018 (a entidade não informou o número de casos).

O que explica a queda no número de assaltos a agências? De acordo com a Febraban, essa redução está relacionada com os investimentos do sistema financeiro na segurança das agências.

“No montante de investimentos de segurança estão incluídos o sistema de capturas de imagens, as câmeras de visão noturna, as câmeras analíticas de análise facial, sensores, as câmeras externas e reforço físico”, afirmou Pedro Oscar Viotto, diretor setorial de segurança bancária da entidade, em comunicado.

Ainda de acordo com a federação, os grandes bancos possuem hoje centrais que monitoram as agências em tempo real.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).