Grandes markeplaces não vão esperar até novembro para tentar fisgar o dinheiro do consumidor. Empresas como Amazon e Mercado Livre já programaram promoções para esta primeira quinzena do mês.

O momento para essas liquidações é mais que oportuno. Uma parte da população economizou dinheiro durante a pandemia com passeios e restaurantes. Por isso, sobrou dinheiro para comprar com coisas para casa e para a família. Outra parte recebeu o auxílio emergencial, e mesmo precisando economizar, acaba destinando uma parte do recurso para o consumo.

Além disso, nunca se vendeu tanto pela internet. Oferecer promoções para o público que já está online é um impulsionador de vendas.

Que promoções são essas? Cada uma tem suas características diferentes:

Mercado Livre: A campanha Descontaço do Mercado Livre já está no ar desde o fim de setembro e vai até o dia 4 deste mês. A promoção promete descontos de até 70% e frete grátis em compras acima de R$ 99.

Durante a campanha, consumidores que possuem o app do Mercado Livre instalado em seus smartphones receberão notificações de ofertas exclusivas.

Amazon: O Brasil recebe pela primeira vez o Prime Day, que acontece nos dias 13 e 14 deste mês nos EUA, Reino Unido, Emirados Árabes Unidos, Espanha, Singapura, Holanda, México, Luxemburgo, Japão, Itália, Alemanha, França, China, Canadá, Bélgica, Áustria e Austrália.

Durante as 48 horas de evento serão disponibilizados mais de um milhão de itens em todo o mundo e em todas as categorias de produtos.

Como participar do Prime Day? As promoções estarão disponíveis no site amazon.com.br/primeday. Quem não for Membro Prime pode experimentar gratuitamente o serviço por 30 dias. A assinatura, que dá benefícios como frete grátis, acesso a filmes e séries, música, livros, jogos, custa R$ 9,90 por mês.

Isso significa que a Black Friday vai esfriar? Não é exatamente isso. Há muito tempo se discute formas de antecipar a Black Friday no Brasil, que acontece muito perto do Natal. Essas discussões fracassaram, porque a Black Friday já entrou no calendário de compra do consumidor. Mas o varejo tenta criar outras janelas de promoções em meses que não possuem datas comemorativas. Não é o caso de outubro, que tem o Dia das Crianças e o Dia dos Professores.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).