A atriz Regina Duarte anunciou nesta quarta-feira (20) sua saída da Secretaria de Cultura do governo. Ela ocupou a pasta por três meses.

Em vídeo divulgado pelo presidente Jair Bolsonaro em suas redes sociais, Regina Duarte alegou que sentia falta de sua família, e que estava feliz com a missão de assumir o comando da Cinemateca, em São Paulo. “Ganhei um presente, um sonho de qualquer pessoa de audivisual, de comunicação, de teatro”.

O presidente negou ainda que Regina Duarte estaria sendo “fritada”. “Intriga da imprensa”, afirmou Bolsonaro.

A imprensa tem reportado há dias o desgaste de Regina Duarte com a gestão Bolsonaro, que esperava maior engajamento da atriz na condução e defesa das questões ideológicas do governo.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu WhatsApp? É só entrar no grupo pelo link: https://6minutos.uol.com.br/whatsapp.