Sinônimo de streaming de vídeo no mundo, a Netflix divulgou no início da noite de terça-feira (19) o seu balanço de resultados para o ano de 2020. Como era de se esperar, a empresa ganhou um forte impulso com o início da pandemia e, consequentemente, o isolamento social.

O 6 Minutos separou seis curiosidades sobre o balanço da Netflix:

Big Brother Brasil, o intruso

Segundo a Netflix, das 10 séries de TV mais buscadas no Google durante o ano passado, apenas uma não foi feita pela empresa de streaming. O Big Brother Brasil aparece em segundo lugar no ranking global de pesquisas, atrás apenas de Tiger King. Veja a lista completa:

  1. Tiger King
  2. Big Brother Brasil
  3. Money Heist
  4. Cobra Kai
  5. The Umbrella Academy
  6. Emily em Paris
  7. Ozark
  8. O Gambito da Rainha
  9. Outer Banks
  10. Locke & Key

George Clooney, o destaque

O filme mais visto na reta final de 2020 foi “The Midnight Sky”, com atuação e direção de George Clooney. A produção foi vista por aproximadamente  72 milhões de lares — a Netflix faz o cálculo com base em assinantes, sem considerar quantas pessoas estavam diante da tela. Entre as produções brasileiras, destaque para “Tudo Bem no Natal que Vem”, com Leandro Hassum, visto por 26 milhões de pessoas nas primeiras quatro semanas de exibição.

TikTok, o concorrente

Apesar da forte expansão em sua base de assinantes, a Netflix reconheceu o crescimento da concorrência em 2020. Citou as estreias do streaming da Discovery e a expansão do Disney+ para outros países — inclusive o Brasil. Também apontou os prováveis lançamentos de Paramount+ em 2021, além dos já estabelecidos AppleTV+, HBO Max e Peacock (da Universal). Mas a novidade foi a inclusão do TikTok como um dos concorrentes da empresa. O aplicativo chinês veicula vídeos curtos produzidos por usuários, e tende a prender a atenção do usuário — “roubando” espaço de produções tradicionais como filmes e séries.

Um filme por semana

Para manter o público fiel e atrair mais novos assinantes, a expectativa da companhia é de lançar pelo menos um filme original novo por semana em 2021. Segundo a Netflix, já existem quase 500 títulos em pós-produção para serem lançados na plataforma.

Pico em março e abril (óbvio)

Devido à pandemia de coronavírus, a Netflix teve o maior pico de novos assinantes dos últimos anos entre os meses de março e abril de 2020. O motivo, claro, foram as medidas de isolamento social colocadas em prática ao redor do mundo. Sem ter o que fazer e sem poder sair para a rua, milhões assinaram a Netflix. Abaixo, o gráfico com o número de novos assinantes por semana que consta do relatório da empresa. A linha azul clara mostra o resultado de 2020. Em vermelho, o que é esperado para 2021.

balanço netflix

Balanço da Netflix

Além da tela

A plataforma comemora a sua capacidade de influenciar a sociedade além da tela. Como exemplo, a Netflix lembra que o lançamento da série “O Gambito da Rainha” aumentou as buscas e vendas globais de tabuleiros de xadrez.

 

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).