Durante os dias úteis da semana, a newsletter do 6 Minutos oferece dicas culturais para seus leitores na seção After Market. Além disso, a Marina Rappa, nossa social media, também dá suas indicações em vídeo que publicamos no Instagram e também no YouTube. Para ajudar você a aproveitar o fim de semana, reunimos as melhores opções e vamos organizá-las em algumas categorias. Boa diversão!

ASSISTA

ANTES DA FAMA

Chloé Zhao tomou o Oscar 2021 de assalto. Com “Nomadland”, ela tornou-se a segunda mulher a vencer a estatueta de melhor diretora em mais de cem anos. O reconhecimento na premiação deste ano aumentou o interesse pelos dois trabalhos anteriores de Chloé Zhao: “Songs My Brothers Taught Me” (sem tradução em português) e “Domando o Destino”. O 6 Minutos assistiu a ambos e recomenda com entusiasmo. Os dois filmes contam pequenas histórias cotidianas na Dakota do Sul, estado rural pouco habitado dos EUA. Zhao insere os personagens como parte do cenário, como produtos do meio, e conta com delicadeza os pequenos dramas pessoais que normalmente recebem pouca atenção. O primeiro pode ser visto no Mubi, enquanto o segundo está no catalogo do Telecine.

PEÇAS TEATRAIS ON DEMAND

Com o objetivo de ajudar profissionais de artes cênicas que ficaram sem trabalho na pandemia, a Associação de Produtores Teatrais promove seu primeiro festival online, com mais de 20 peças teatrais no formato “on demand”. Os espetáculos, que incluem “A Árvore”, com Alessandra Negrini, “Madame Blavatsky”, com Mel Lisboa, e o musical “Meu Amigo Charlie Brown”, ficam disponíveis por 48 horas nos finais de semana, até o dia 1º de agosto. Os ingressos custam R$ 20, e o valor arrecadado será usado para auxiliar mais de 30 mil profissionais de cultura de São Paulo.

“DEPOIS A LOUCA SOU EU”

O filme inspirado no best-seller de Tati Bernardi acaba de entrar no catálogo do Amazon Prime Video. Com direção de Júlia Rezende, a trama acompanha Dani (Débora Falabella), uma mulher que lida com crises de ansiedade desde a infância. Com o sonho de ser uma grande escritora, a protagonista recorre a medicamentos e terapias, enquanto tenta lidar com sua mãe superprotetora e o mundo a sua volta.

“MONSTRO”

Um assalto a uma loja de conveniências dá errado, e o comerciante é assassinado a tiros. Steve Harmon, um jovem negro de classe média de 17 anos, é acusado de participação no crime, e precisa provar a inocência. O tradicional gênero de filmes de tribunal ganha mais um representante, desta vez com o atualíssimo tema do debate sobre preconceito e viés racial. O filme está na Netflix.

“A MULHER NA JANELA”

Amy Adams interpreta nesse filme, que estreou nesta semana na Netflix, a psicóloga infantil Anna Fox, que sofre de agorafobia e por isso evita situações em que possa ter sensações de pânico, aprisionamento ou constrangimento. Reclusa dentro de casa, ela passa os dias bebendo, assistindo a filmes e conversando com estranhos na internet. Ela passa então a espionar os novos vizinhos até que um dia testemunha um crime. A dúvida é sobre o que de fato ela testemunhou.

“O LEGADO DE JÚPITER”

Para os fãs de super-heróis, a dica é dar uma espiada na série que estreou neste mês na plataforma de streaming Netflix. É uma adaptação da série de quadrinhos homônima, de Mark Millar e Frank Quitely, que acompanha a primeira geração de super-heróis do mundo, que receberam seus poderes nos anos 30, e seus filhos. Os mais novos se veem num impasse quando precisam decidir entre apoiar um herói que assume o controle do governo ou continuar lutando como seus pais.

ESCUTE

“NÓS”

O meme “se juntas já causa, imagina juntas?” nunca fez tanto sentido. As apresentadoras Sarah Oliveira e Roberta Martinelli, agora, estão lado a lado em um podcast sobre relacionamentos. Os episódios trazem histórias de ouvintes com trilha original da cantora e produtora musical Mahmundi. O primeiro episódio, intitulado “O mundo é um moinho”, já está disponível no Spotify, que é responsável pela produção e distribuição.

VISITE (PRESENCIALMENTE)

NOVA MOSTRA NO MASP

Conceição Freitas da Silva, mais conhecida como Conceição dos Bugres, é a artista escolhida para dar início ao biênio das Histórias brasileiras no Masp. A exposição da artista será inaugurada amanhã e fica em cartaz até 30 de janeiro de 2022. Por causa da pandemia de covid-19, o museu optou por reduzir o número de exposições, que terão uma duração maior. As entradas, inclusive as gratuitas, devem ser agendadas online.

LEIA

“CONTINUO PRETA – A VIDA DE SUELI CARNEIRO”

Já está disponível nas livrarias a biografia de Sueli Carneiro, uma das principais intelectuais brasileiras e voz fundamental para o combate ao racismo no país. Escrita pela jornalista Bianca Santana e publicada pela Companhia das Letras, a obra traz uma longa trajetória política que se confunde com a história do Brasil pós-ditadura militar.

COMA

SABORES DE TAIWAN

Boa dica para fãs de belisquetes orientais, o Mapu ocupa um sobradinho fofo da Vila Mariana e representa uma culinária pouco conhecida pelo brasileiro. Os menos ousados devem apostar em um dos cinco baos (bem-servidos, duram várias mordidas; os de sobrecoxa de frango e de pulled pork são tiro certo) ou no reconfortante arroz com panceta cozida, ovo e conserva de cebola. Já a ala raiz tem tira-gostos típicos como a berinjela empanada no missô e shoyu, campeã de pedidos. No Instagram, dá para conferir criações que ficam disponíveis por apenas uma semana – como um sanduba recheado com salada de batata, paçoca de porco, pepino, maionese, batata frita fininha e picles. Os preços são camaradas e, por ora, a casa só trabalha com delivery ou retirada no local.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).