O fechamento das salas de cinema para conter a propagação do coronavírus já impacta o nível de emprego do setor. As duas maiores empresas do segmento, Cinemark e Kinoplex, adotaram medidas diferentes para enfrentar a suspensão das atividades nas cidades em que os cinemas foram fechados.

Quais medidas foram essas? O remédio do Cinemark foi mais amargo: a empresa vai lançar mão de programas de desligamento voluntário nas cidades em que suas operações forem suspensas.

Em nota, a empresa diz que negocia essas medidas com os sindicatos. “Diante disso, a Rede iniciou diálogo com seus colaboradores em parceria com o sindicato dos funcionários para encontrar de forma conjunta as melhores alternativas para a administração da crise sanitária e econômica.”

Onde o Cinemark teve salas fechadas? A suspensão atinge Goiás, Espírito Santo, Brasília, Pernambuco e as cidades abaixo:

  • Rio de Janeiro
  • Aracaju
  • Salvador
  • Florianópolis
  • Taubaté
  • Porto Alegre
  • Camaçari

E o que o Kinoplex fez? Para os funcionários que trabalham nos cinemas, a empresa vai dar férias coletivas.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).