BRASÍLIA (Reuters) – A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou nesta sexta-feira a restrição de voos e viajantes vindos da África do sul, Botswana, Eswatini, Lesoto, Namíbia e Zimbábue, após a detecção de uma nova variante do coronavírus na África do Sul, informou o órgão regulador em nota.

Em nota técnica, a Anvisa recomenda a suspensão de todos os voos e da entrada de estrangeiros vindos desses países e quarentena de 14 dias para brasileiros ou residentes legais no país que tiveram passagem por um desses países.

Por não haver voos diretos desses países para o Brasil, a Anvisa recomenda a restrição de entrada de viajantes dessas áreas também por qualquer outro meio de entrada.

A nota técnica da Anvisa, no entanto, é uma recomendação e o governo federal não é obrigado a segui-la.

Na manhã desta sexta, em conversa com apoiadores, o presidente Jair Bolsonaro indicou que não tem intenção de fechar aeroportos.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).