A ministra da Secretaria de Governo da Presidência da República, Flávia Arruda (PL), justificou seu pedido de licença no período de 13 a 21 de janeiro. “(Estou) aproveitando o recesso parlamentar para tirar uns dias com minhas filhas, que ainda são pequenas”, escreveu nesta sexta-feira, dia 14. Ela lembrou que trabalhou durante o Natal e o Ano Novo e não teve folga no final do ano passado. O afastamento de Flávia Arruda foi publicado nesta sexta-feira no Diário Oficial da União (DOU). A ministra vem sofrendo pressão de aliados do presidente Jair Bolsonaro que compõem o Centrão por supostamente não liberar emendas e honrar outros compromissos.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).