O candidato a prefeito de São Paulo pelo Novo, Filipe Sabará, se desculpou nesta quarta-feira, 13, após ter dito que Paulo Maluf foi o melhor prefeito que a capital paulista já teve. A fala havia provocado reações internas no partido, como do fundador do Novo, João Amoêdo, e do deputado estadual Heni Ozi Cukier, que se manifestaram contra a fala no Twitter.

Sabará havia dado uma entrevista ao programa Pânico, na terça-feira, 15, quando falou sobre o ex-prefeito. “Maluf foi um bom prefeito. Teve suas questões aí de corrupção, foi condenado, mas fez muita coisa. Imagina São Paulo sem as obras do Maluf”. Depois, emendou: “Tem o rouba mas faz, mas para a população, imagina São Paulo sem as realizações do Maluf”.

Maluf foi condenado por lavagem de dinheiro em 2017 e cumpre pena em prisão domiciliar. Investigações do Ministério Público de São Paulo apontam que ele desviou ao menos US$ 160 milhões dos cofres municipais.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu WhatsApp? É só entrar no grupo pelo link: https://6minutos.uol.com.br/whatsapp.