O Índice de Preços ao Consumidor – Semanal (IPC-S) desacelerou em seis das sete capitais pesquisadas no fechamento de abril, na comparação com a terceira quadrissemana do mês, informou nesta terça-feira a Fundação Getulio Vargas (FGV).

O IPC-S fechou abril com arrefecimento de 0,23%, após 1,00% em março e 0,39% na terceira leitura do mês. A alta acumulada nos 12 meses até abril é de 6,54%, maior do que o avanço de 6,11% ocorrido nos 12 meses até março.

A aceleração no IPC-S Capitais foi registrada apenas em Recife, onde houve leve avanço de 0,32% para 0,33% entre a terceira quadrissemana e o fechamento de abril.

Já Belo Horizonte (0,44% para 0,30%), Brasília (0,35% para 0,11%), Porto Alegre (0,61% para 0,25%), Rio de Janeiro (0,49% para 0,34%), Salvador (0,29% para 0,15%) e São Paulo (0,27% para 0,18%) apresentaram desaceleração pela terceira leitura consecutiva, assim como o índice geral.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).