A holding de energia Energisa informou nesta segunda-feira, 3 que a São João Energética foi condenada a pagar à empresa o valor histórico de
R$ 110,2 milhões. O montante deve ser corrigido pelo IPCA e acrescido de juros de 1% ao mês, a contar de 22 de outubro de 2016. A São João também terá que ressarcir os custos e despesas incorridas que a holding teve com a arbitragem.

Segundo a Energisa, a sentença em arbitragem sigilosa ainda está sujeita a eventual pedido de esclarecimentos a ser apresentado pelas partes.

A São João é uma sociedade anônima de capital fechado pertencente ao Grupo Brookfield, que atua em gerenciamento de ativos e investimentos. Em 2014, a São João comprou diversas empresas da Energisa, em um negócio avaliado em R$ 1,4 bilhão.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).