O Conselho de Administração da Localiza aprovou, em reunião realizada nesta quinta-feira (8) a proposta de combinação de negócios com a Unidas. No encontro também foi aprovada a convocação de uma Assembleia Geral Extraordinária (AGE) em 12 de novembro para deliberar sobre a incorporação de ações. A proposta da administração, que será apresentada para aprovação dos acionistas da companhia na AGE, prevê ainda a redução do número de membros do Conselho de Administração da empresa no mandato atual de sete para seis membros.

Em setembro deste ano, as empresas de locação de veículos anunciaram um acordo de fusão, que dará origem à maior companhia do segmento no mundo, com valor de mercado de cerca de R$ 50 bilhões, segundo cálculos da Economática. Faltava, no entanto, a aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e o sinal verde dos acionistas dos dois lados.

Após a consumação da incorporação, os acionistas da Unidas receberão 0,44682380 ação ordinária de emissão da Localiza em substituição a cada ação ordinária de emissão da Unidas por eles detidas na data de fechamento. Desta forma, os acionistas da Localiza passariam a deter, em conjunto, 76,85000004% do capital social total e votante da nova empresa, e os acionistas da Unidas passariam a deter, em conjunto, 23,14999996%.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).