A alta mais branda no custo da mão de obra e dos materiais desacelerou a inflação da construção dentro do Índice Geral de Preços – 10 (IGP-10) de setembro, segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV).

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC-10) passou de um avanço de 0,79% em agosto para uma elevação de 0,43% este mês.

O Índice que representa o custo de Materiais, Equipamentos e Serviços saiu de um aumento de 1,33% em agosto para uma alta de 0,76% em setembro. Os gastos com Materiais e Equipamentos tiveram alta de 0,82% em setembro, enquanto os custos dos Serviços tiveram elevação de 0,49% no mês.

Já o índice que representa o custo da Mão de Obra passou de uma alta de 0,24% em agosto para uma elevação de 0,08% este mês.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).